A Aeroeletrônica e o "mistério" no processo de modernização do Bandeirante...

Iniciamos o ano escrevendo sobre o "carater confidencial" que envolve o processo de modernização das aeronaves Bandeirante da FAB.
Como já é de conhecimento de muitos, pois a notícia foi vastamente divulgada em portais especializados, a FAB contratou a Aeroeletrônica (AEL) para efetuar o processo de modernização que, em grande parte, está ligado à mudança e instalação de um novo painel com aviônicos de última geração.
Naturalmente esta notícia despertou uma grande curiosidade nos entusiastas desta aeronave que, ao contrário do que se previa (a sua gradativa desativação), iria trazer mais fôlego de vida ao Bandeirante por mais uns 20 anos (já que a célula principal também seria revisada). Baseado neste fato, fizemos contato com a Aeroeletrônica afim de buscar mais informações e detalhar um pouco mais o processo, solicitando uma imagem da nova configuração do painel para o deleite de nossos leitores e dos desenvolvedores de modelos para o Flight Simulator. Foram mais de 3 meses de espera e troca de diversos e-mails com a acessoria de imprensa para finalmente recebermos a seguinte resposta: "Infelizmente, por conta do caráter confidencial do projeto, a AEL não concederá as imagens solicitadas."
Confesso que fiquei pasmo... "caráter confidencial"???... uma simples imagem dos novos aviônicos de uma aeronave Bandeirante??? Gente! Vamos acordar! Bandeirante não é caça supersônico de última geração! Afinal, que "segredo" envolve isso? Vão colocar sistemas de espionagem militar ultra-secretos no painel? Perdoem-me a ironia, mas não pude me conter... não sei se dou boas risadas ou se fico indignado com tamanha bobagem. Ora, basta entregarem as aeronaves que em breve iremos fotografá-las em algum aeroporto do país... para que tanta "confidencialidade"? Eu heim!...
Pois é pessoal, infelizmente vamos ter que aguardar ou solicitar diretamente a FAB algumas prévias imagens.
Enquanto isso, estou postando algumas configurações variadas (não oficiais) em baixa resolução, para aplacar nossa curiosidade. O fato interessante é que a primeira é do próprio site da AEL... (rs)
Um grande abraço a todos!